Comissão de Saúde dá parecer favorável a projeto que propõe ajuda para mães de portadores de deficiência

A Comissão de Saúde da Assembléia Legislativa, presidida pelo deputado Ney Leprevost, emitiu parecer favorável ao projeto de lei do deputado Marcelo Rangel que fixa assistência especial para as parturientes cujos filhos recém-nascidos sejam portadores de deficiência.

Toda ação que visa a proteção da criança e seu bem estar físico é válida. O próprio Estatuto da Criança e do Adolescente prevê que é dever de todos assegurar o direito à vida de todas as crianças. Portanto, não temos como ser contrários a um projeto que tem o objetivo de orientar mães e garantir tratamento especializado para crianças portadoras de deficiência, afirma Leprevost.

Segundo o projeto do deputado Marcelo Rangel, os hospitais e maternidades estaduais prestarão atendimento especial às mães. O tratamento será na prestação de informações por escrito à parturiente, ou a quem a represente, sobre os cuidados a serem tomados e também no fornecimento de listagem das instituições, públicas ou privadas, especializadas nesta assistência específica.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *