Assembléia aprova projeto de Ney Leprevost que protege crianças do cigarro

Na semana em que se comemora o Dia Mundial Sem Tabaco (31), a Assembléia Legislativa aprovou o projeto de lei de autoria do deputado Ney Leprevost que proíbe o fumo em eventos e estabelecimentos comerciais direcionados ao público infantil.

O autor do projeto afirma que o objetivo é preservar as crianças dos malefícios causados pelo tabagismo. Em relatório de 2005, a Agência de Proteção Ambiental da Califórnia, reconhecida como líder mundial em questões relacionadas ao fumo passivo, afirmou e reforçou suas descobertas de prevenção referentes aos malefícios causados pelo fumo passivo. Esses malefícios incluem síndrome da morte súbita infantil, asma, aumento de infecções do trato respiratório, infecções do ouvido, baixo peso em recém-nascidos, funções debilitadas do pulmão, câncer de pulmão e doenças cardíacas em adultos.

Os adultos têm o direito de escolher se querem ou não consumir cigarros, mas as crianças não podem ser obrigadas a fumar passivamente”, afirma Ney.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *