Lei de Incentivo ao Esporte, de Ney Leprevost, tem 646 projetos inscritos para 2018 (Via #EquipeNL)

Criada por Ney Leprevost, quando era vereador de Curitiba, a Lei de Incentivo ao Esporte teve um aumento de 29% nas inscrições.

Durante o período de inscrições para o ano de 2018, encerrado em outubro, foram apresentados 646 projetos, sendo 546 voltados para atletas, paratletas e técnicos; e outros 100 projetos esportivos / sociais que são promovidos por clubes e entidades.

Com recursos oriundos do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), os atletas e paratletas beneficiados pela Lei, recebem ajuda através de um incentivador que deve ser uma entidade civil sem fins lucrativos ou clube social, tendo um cadastro em seu nome e não podem estar em débito com a Prefeitura de Curitiba. Em contrapartida, os atletas beneficiados devem prestar contas ao município além de participar de ações esportivas e sociais.

De acordo com Ney, a lei se tornou uma referência nacional, sendo de fundamental importância para o desenvolvimento de projetos esportivos na capital do Estado. “O esporte é uma excelente ferramenta de desenvolvimento social, ajudando a manter as crianças longe das ruas e da criminalidade”, disse.

Desde a sua criação, a Lei Municipal de Incentivo ao Esporte já beneficiou 7.967 projetos.

(Via Assessoria de Imprensa – Daniel Waldrigues)

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *