Em Londrina, Ney Leprevost apresenta programas e políticas da Sejuf

Nesta quinta-feira foram realizadas diversas reuniões sobre projetos, visitas a instituições, acompanhamento de programas e treinamentos para qualificação de mão-de-obra na região

O governo do Paraná está instalado em Londrina e a Secretaria de Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), atendendo a determinação do governador Ratinho Junior, está realizando diversas ações na cidade.

Nesta quinta-feira houve reuniões sobre projetos, visitas instituições da região, palestras e treinamentos para qualificação de mão-de-obra; envolvendo as áreas do trabalho e emprego, trabalho rural, criança, pessoa idosa, pessoa com deficiência, assistência social, garantia de direitos, menores em conflito com a lei, mulher, agricultura familiar e Força-Tarefa Infância-Segura de prevenção e combate aos crimes contra a criança.

Pela manhã, o secretário Ney Leprevost participou da reunião do secretariado no Parque Ney Braga, onde está sendo realizada a Expolondrina, e também, visitou a exposição.

Família Paranaense – Com a presença de representantes de secretarias de Assistência Social dos 20 municípios que compõem a Regional de Londrina da Sejuf, o secretário participou de oficina para avaliar o acompanhamento do programa Família Paranaense, com o intuito de aprimorar o trabalho e dar ainda mais atenção às famílias beneficiárias.

O Família Paranaense destina-se à proteção e promoção das famílias que se encontram em situação de alta vulnerabilidade social no Paraná, integrando ações das áreas de assistência social, habitação, agricultura e abastecimento, trabalho, saúde, educação, esporte e lazer, segurança alimentar e nutricional, entre outras. “Queremos estreitar a parceria entre Governo do Estado e municípios que, por meio da articulação integrada de órgãos e instituições, executam o programa em regime de cooperação mútua”, disse Leprevost.

Participaram também do encontro o diretor-geral da Sejuf, Adayr Cabral, a coordenadora do programa Família Paranaense, Letícia Reis, gestores de assistência social, assistentes sociais, psicólogos e pedagogos que atuam nos Cras e Creas com famílias em situação de vulnerabilidade social.

Política do trabalho – Leprevost também reuniu-se com os prefeitos de Assaí, Acácio Secci, e de Primeiro de Maio, Bruna Casanova, além das chefias e servidores das Agências do Trabalhador de Londrina e Apucarana.

Foram apresentados os programas do Departamento do Trabalho da Sejuf, como o aplicativo Paraná Serviços – uma forma de realizar serviços rápidos, práticos e de fácil acesso, que já está facilitando a vida do trabalhador autônomo no Paraná. “O aplicativo é uma ferramenta digital que faz a intermediação entre o contratante e o prestador autônomo de serviços. São mais de 100 categorias de serviços como diarista, encanador, pintor, garçom, cozinheiro, marido de aluguel, veterinário, web designer, ator, dentro outras diversas áreas incluídas na plataforma”, informou Leprevost, lembrando que a principal vantagem desta ferramenta é colocar os serviços prestados pelos autônomos em uma enorme vitrine virtual.

Ao lado do diretor-geral Cabral Filho, do diretor do Trabalho, Ederson Colaço, e do responsável pelo setor de Qualificação Profissional, Ivan Guimarães, Ney ainda falou sobre o Sine, programa de qualificação profissional e a política pública de empreendedorismo.

Instituição beneficente – Ainda na tarde de quinta, o secretário esteve na Escola Profissional e Social do Menor de Londrina (EPESMEL) – uma importante instituição educacional beneficente da cidade, vinculada à Igreja Católica. Recentemente, a secretaria de Justiça, Família e Trabalho do Governo do Paraná, por meio do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente, repassou recursos à escola para a realização de atividades no contraturno escolar. “Quero dar os parabéns ao padre Vilmar (gestor da unidade) e toda a equipe. Lugar de criança é dentro da escola, longe da rua e do crime”, finalizou Leprevost – que esteve acompanhado da diretora do Departamento da Criança, do Adolescente e do Idoso, Angela Mendonça.

(Via Assessoria de Imprensa)

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *