Novos membros do Conselho Estadual da Juventude tomam posse

Tomaram posse nesta terça-feira (28), em solenidade realizada no Palácio Iguaçu, os conselheiros titulares e suplentes eleitos para a gestão 2020/2022 do Conselho Estadual da Juventude, vinculado à Secretaria da Justiça, Família e Trabalho do Governo do Paraná (Sejuf).
 
O vice-governador Darci Piana empossou os membros governamentais e da sociedade civil. “O conselho vai dar uma contribuição muito grande para o Governo do Estado com progressão e melhora. O nosso governo é inovador, é 5.0, e essa juventude com certeza vai dar uma boa contribuição para avançar em relação as políticas públicas para juventude”, reforçou Piana.
 
O conselheiro governamental Fauze Salmen Neto, da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho é o novo presidente e, para a vice-presidência foi escolhido Marcos Willian Loyola da Costa, representando as Organizações Não Governamentais, pela Sociedade de Integração dos Estudantes Paranaenses (Siep), de Maringá.
 
“Este ano estamos animados para que a execução do conselho seja de excelência para facilitar cada vez mais o diálogo entre governo e sociedade civil organizada, com a elaboração de projetos que fortaleçam os jovens paranaenses. Vamos focar inicialmente na ativação e criação dos conselhos municipais, para que possamos levar para todos os municípios essas políticas de juventude”, destaca o presidente do Conselho da Juventude, Fauze Salmen Neto.
 
O presidente do conselho ainda destacou que, “neste ano tivemos uma eleição online, com maior participação dos jovens. Foram mais de 1,5 mil jovens participando, todas as cadeiras completas, isso demonstra o comprometimento do governo, do secretário da Sejuf, Ney Leprevost, em dar continuidade a todo o trabalho com o publico jovem no Paraná”, disse Fauze.
 
Assessor especial da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), Luiz Guilherme Feltrin Gluck, que na ocasião representou o secretário da Sejuf, Ney Leprevost, explicou que o conselho representa uma nova forma de diálogo do Governo com a sociedade. Programas e ações trazidos pelo grupo farão parte do Plano Estadual para a Juventude, que está em fase final de elaboração.
 
PRIMEIRA REUNIÃO – Ao agradecer a presença de conselheiros tutelares e suplentes na primeira reunião ordinária do Conselho Estadual da Juventude, o secretário Ney Leprevost, da Justiça, Família e Trabalho disse que espera que a nova gestão seja uma usina de ideias de projetos inovadores, com viés na sustentabilidade e desenvolvimento. “Precisamos levar a todo o Paraná uma política para a juventude com inclusão e cidadania, implantando o Cartão Futuro e, em municípios com menor IDH, o programa Geração Paraná, como ferramenta de inserção social.
 
O programa Cartão Futuro será voltado para promover a primeira oportunidade de emprego para jovens de 14 a 18 anos em situação de vulnerabilidade social. O objetivo é incentivar as micro e pequenas empresas a contratar jovens aprendizes – e também as grandes empresas a contratar acima do cumprimento obrigatório da cota mínima de 5% determinada por lei federal. Como estímulo, o governo estadual subvencionará parte dos vencimentos dos aprendizes com recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza. “Será um grande projeto social de inclusão para promover uma nova perspectiva para os nossos jovens”, disse Leprevost, lembrando que a meta inicial é a contratação de até 10 mil jovens em todo o estado.
 
O objetivo é incentivar as micro e pequenas empresas a contratar jovens aprendizes – e também as grandes empresas a contratar acima do cumprimento obrigatório da cota mínima de 5% determinada por lei federal. Como estímulo, o governo estadual subvencionará parte dos vencimentos dos aprendizes com recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza.
 
CRIAÇÃO – Criado em 1988 pelo decreto número 2.897 de 19 de maio de 1988, o Conselho Estadual de Juventude ficou inativo por 23 anos, até 2017. O governador Carlos Massa Ratinho Junior determinou a inclusão da regulamentação do órgão nas metas da atual gestão do Governo, ratificando o reconhecimento da juventude como protagonista de ações que gerem valor social efetivo para os jovens paranaenses.
 
O Conselho Estadual de Juventude (CEJUV) é um órgão colegiado de caráter consultivo, vinculado à Casa Civil por meio da Assessoria Especial para Políticas Públicas de Juventude (AEJ), sendo composto por representantes da Sociedade Civil e do Poder Público com reconhecida atuação na defesa e promoção dos direitos da juventude.
 
Participaram da posse, o coordenador para Políticas da Juventude da Sejuf, Sandro Samuel Tives e demais membros do conselho que tomaram posse.
 
(Via #Equipe) #RatinhoJunior #NeyLeprevost

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *