Ney Leprevost cria projeto para aumentar vagas de emprego para pessoas com mais de 50 anos

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o índice de desemprego no Brasil subiu este ano para 12,9%, atingindo 12,7 milhões de pessoas, com um fechamento de 7,8 milhões de postos de trabalho. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua Mensal (PNAD Contínua).

O número de empregados com carteira assinada caiu para o menor nível da série histórica e, pela 1ª vez, menos da metade da população em idade de trabalhar está ocupada. Além do aumento do desemprego, a crise da Covid-19 e o cenário de recessão também tiveram forte impacto na ocupação, informalidade, desalento e população subutilizada.

Segundo dados da Organização Internacional do Trabalho (OIT) o desemprego pode atingir mais de 200 milhões de pessoas no planeta. A OIT estima que a pobreza moderada ou extrema pobreza entre pessoas que trabalham suba em 2020 e 2021 nos países em desenvolvimento. Isso deve aumentar também os obstáculos para se alcançar o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável número 1 da Organização das Nações Unidas (ONU), de erradicar a pobreza até 2030.

Para combater esses números o deputado Ney Leprevost protocolou na Câmara Federal, projeto de lei que estabelece que empresas concessionárias ou permissionárias de serviços públicos contratadas nos moldes da Lei nº 8.987/ 95, destinem uma reserva mínima de 5% das vagas de emprego para às pessoas com idade superior ou igual a 50 anos.

(Via assessoria de imprensa) #EquipeNL

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *