Secretário Ney Leprevost recebe membros do Comitê Estadual de Memória, Verdade e Justiça do Estado do Paraná

O secretário da Justiça, Família e Trabalho do Estado do Paraná, Ney Leprevost, e o chefe do Departamento de Direitos Fundamentais e Cidadania da Sejuf, Paulo Sena, receberam nesta quarta-feira (14), os novos membros do Comitê Estadual de Memória, Verdade e Justiça do Estado do Paraná, indicados pelas entidades e instituições da Sociedade Civil Organizada.

Participaram também do encontro os representantes do Fórum, Norton Nohama da Universidade Federal do Paraná – Coordenador do Fórum Paranaense da Verdade, Memória e Justiça e a desembargadora Maria Aparecida Blanco de Lima do Tribunal de Justiça do Paraná.

O Comitê que é vinculado à pasta, faz parte das recomendações do relatório final da Comissão da Verdade Tereza Urban e tem a finalidade de propor a elaboração de políticas vinculadas à promoção do direito à memória, verdade e justiça; estimular estudos e pesquisas sobre a temática dos direitos humanos.

Os novos membros são reconhecidos pela atuação na área de Direitos Humanos, em especial em temas relacionados à Verdade, Memória e Justiça.

Os membros titulares do Comitê:
Serviço de Paz e Justiça -SEPAJ – Brasil – Ivete Maria Caribé da Rocha.
Universidade Federal do Paraná – Marionilde Dias Brepohl de Magalhães.
Centro de Direitos Humanos e Memória Popular de Foz do Iguaçu – Aluízio Ferreira Palmar.
União Paranaense dos Estudantes Secundaristas – Matheus Felipe Ferreira Pinto Bregenski.

Os membros suplentes:
Serviço de Paz e Justiça -SEPAJ – Brasil – Daniel de Oliveira Godoy Junior.
Universidade Federal do Paraná – Luis Fernando Lopes Pereira.
Sindicato dos Jornalistas do Paraná – Adélia Lopes Salamene.
Universidade Estadual do Oeste do Paraná – UNIOESTE – Carla Luciana Souza da Silva.

Na oportunidade os membros do Comitê também apresentaram ao secretário da Sejuf o Fórum Paranaense de Resgate da Verdade, Memória e Justiça que tem o propósito de construir um amplo espaço democrático de diálogo, convergência e de construção coletiva contribuindo assim com os trabalhos da Comissão da Verdade. Fazem parte deste Fórum entidades dos mais diversos segmentos, entre eles instituições públicas dos poderes executivos e legislativos federal, estaduais e municipais, universidades, entidades da sociedade civil.

(Via Assessoria de Imprensa – Luiz G. Mazza Neto)

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *