Paraná apresenta melhor resultado acumulado de geração de empregos no Sul do País

O Paraná no mês de setembro de 2020 demonstrou sinais de revitalização da economia e apresentou novamente saldo positivo de 19.732 empregos gerados com carteira assinada. O estado foi o 5º do País no ranking das unidades federativas com maior número de contratações no mês e teve o melhor resultado da região Sul no acumulado do ano (janeiro a setembro). Este trabalho é fruto da postura proativa da gestão do governador Carlos Massa Ratinho Junior e de Ney Leprevost como secretária da Justiça, Família e Trabalho, em parceria com empresas paranaenses. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (29) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério da Economia.

“Estes resultados apresentam uma reação positiva com as ações proativas produzidas e executadas pelo Governo do Paraná e também pela parceria entre empresas e as Agências do Trabalhador da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho. Essa é uma considerável melhora na situação atual e dá sinais de uma revitalização futura e de mais avanços para a retomada da economia”, disse o secretário da Justiça, Família e Trabalho do Paraná, Ney Leprevost.

No acumulado ano (janeiro a setembro), o Paraná apresentou um saldo de 1.092 empregos criados, se estabeleceu na 9º colocação no ranking das unidades federativas, sendo o Estado do Sul do País que mais gerou empregos, a frente de Santa Catarina na 10º colocação com um saldo de 921 empregos criados e Rio Grande do Sul na 25º colocação com um saldo de -74.445 empregos criados. Já no ranking do mês, o estado ficou atrás apenas de Pernambuco (21.801 empregos formados – 4º posição), Santa Catarina (24.827 empregos formados – 3º posição), Minas Gerais (36.505 empregos formados – 2º posição) e São Paulo (75.706 empregos formados – 1º posição).

Os setores que mais se destacaram no mês de setembro de 2020 foram: a Indústria de Transformação com um saldo de 6.690 empregos criados, seguido do Comércio (5.398), Serviços (4.716), Construção (2.892), Agricultura (100).“O grande destaque ficou com a indústria de transformação que mais contratou nos últimos meses, que ajuda a alavancar os demais setores da economia e que também paga melhores salários, pois exige um nível de qualificação e experiência maior por parte do trabalhador”, esclareceu a chefe do Departamento do Trabalho da Sejuf, Suelen Glisnki.

MUNICÍPIOS QUE MAIS EMPREGARAM – Os municípios que conseguiram se sobressair no mês de setembro de 2020 no ranking municipal no Paraná foram: Curitiba (4.006 empregos gerados), São José dos Pinhais (1.314), Maringá (1.154), Ponta Grossa (930), Londrina (903), Cascavel (679), Arapongas (415), São Mateus do Sul (412), Fazenda Rio Grande (396) e Colombo com um saldo de (383).

Obs: Foto registrada antes da pandemia do coronavírus.

(Via Assessoria de Imprensa – Luiz G. Mazza Neto).

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *