APROVADA FUSÃO DAS SECRETARIAS DE ESPORTE E TURISMO DO PARANÁ APÓS ACORDO COM TRADE TURÍSTICO

A Assembléia Legislativa aprovou nesta terça-feira a fusão das secretarias de Esporte e Turismo do Paraná. A mudança ocorreu devido a um acordo do Governador Beto Richa com o trade turístico, após diversas reuniões com o presidente da Associação Comercial do Paraná, Edson Ramon, que capitaneou o processo evitando  que o setor de turismo ficasse subordinado a secretaria de Cultura  e, conseqüentemente, relegado a segundo plano. 
O deputado Ney Leprevost que é presidente da Comissão de Esportes e líder da Frente Parlamentar de Defesa dos Empregados e Empregadores dos setores de Turismo e Gastronomia, disse que o governador está cumprindo um acordo com as entidades que representam o setor de turismo.
O turismo é uma indústria ambientalmente correta, geradora de empregos e renda para os municípios. Não poderia ficar relegado a segundo plano, afirmou Ney.
COORDENADOR DO TURISMO
O pleito atendido por Richa é que abaixo do secretário de turismo e acima da estrutura da Paraná Turismo que será fortalecida, existirá um coordenador estadual.
Também será criado um Conselho de Turismo que irá funcionar como órgão consultivo da secretaria e será aberto, por sugestão de Leprevost,  concurso público para chamar técnicos de turismo, eventos e hotelaria para a nova equipe.
Leprevost lembrou que o período em que o Esporte e o Turismo do Paraná mais tiveram destaque, foi exatamente entre   1999 e 2000, quando mais de 18 mil pessoas,  de mais de 60 países,  visitaram o Estado por ocasião da ABAV 99. E foram, na área de esportes, criados o Piá Bom de Bola e os Centros de Excelência. Na época as duas áreas estavam agrupadas em uma só secretaria e tinha como gestor o próprio Leprevost.
Quem faz a pasta é o secretário. Se o gestor for competente e a equipe trabalhar unida, não importa o nome que dão a secretaria, afirmou Ney.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + vinte =