Categoria: Sem categoria (Página 1 de 680)

Ney Leprevost vota favorável ao projeto para criação de censo para autistas no Paraná (Via #EquipeNL)

O deputado Ney Leprevost, líder da Frente Estadual da Saúde e Cidadania, votou favorável nesta segunda-feira (18), Dia Mundial do Orgulho Autista, ao projeto de lei que dispõe sobre a realização do censo quadrienal das pessoas com autismo ou Transtorno do Espectro Autista (TEA) no Paraná.

O censo vai mapear as condições socioeconômicas das pessoas com TEA e seus familiares e identificará desde o grau em que transtorno se manifesta (leve, moderado ou grave) até a escolaridade. O Programa será executado pela Secretaria Estadual de Saúde, sem onerar os cofres do Estado, e proporcionará a elaboração de políticas públicas de atendimento para essa população.

O projeto prevê a realização do censo e seu cadastramento a cada quatro anos e as informações contidas no Programa serão sigilosas e com uso exclusivamente para fins estatísticos. Atualmente, o Estado do Paraná não tem ideia do número de autistas. Com a falta de dados oficiais, os autistas são uma população quase invisível.

Ney ressaltou a importância de políticas, ações e estruturas de apoio voltadas as pessoas autistas. “É muito importante que as mães, os pais, os profissionais das áreas de educação e de saúde se atualizem sobre este assunto. O esclarecimento evita muitos problemas. Queremos ver todas as crianças sendo respeitadas e compreendidas. O amor não tem limites”, afirmou Ney.

A proposta foi dos deputados Marcio Pacheco, Péricles de Mello e Maria Victoria.

<< Transtorno do Espectro Autista (TEA) >>

O Autismo ou Transtorno do Espectro Autista (TEA) é considerado um transtorno do neurodesenvolvimento que faz com que a pessoa pense e reaja a situações de maneiras atípicas. Quanto mais cedo ele for diagnosticado, mais rapidamente a família pode iniciar as intervenções adequadas que consistem em terapias diversas, fonoaudiologia, acompanhamento psicológico, ensino adaptado e/ou outras abordagens.

(Via Assessoria de Imprensa – Pedro Mariucci Neto).

Crédito da foto: João Guilherme Clos.

Ney Leprevost defende que guardas passem a ser policiais municipais (Via #EquipeNL)

O deputado Ney Leprevost defendeu que seja alterado o estatuto geral dos guardas municipais para permitir que eles possam atuar como “policiais municipais”.

Ney justificou seu posicionamento alegando que estes profissionais já exercem a função de polícia com patrulhamento e proteção à vida. “A segurança pública só tem a ganhar com a inclusão desta categoria, pois terá um aumento no efetivo para controle da violência”, disse.

A Guarda Municipal é o órgão responsável pelo ordenamento urbano e do trânsito da cidade, o que inclui, além da fiscalização do trânsito, a coerção ao comércio ambulante irregular e da proteção de bens, serviços e instalações municipais. São prerrogativas das funções a proteção ao meio ambiente e ao patrimônio paisagístico e natural da cidade e a colaboração com os órgãos de segurança pública de nível estadual e federal para manutenção de espaços mais seguros.

(Via Assessoria de Imprensa – Pedro Mariucci Neto).

Ney Leprevost defende reposição salarial para todos os servidores públicos do Paraná (Via #EquipeNL)

O deputado Ney Leprevost se manifestou publicamente para defender o reajuste salarial para todos os servidores públicos do Paraná e não apenas para os dos poderes Legislativo e Judiciário.

De acordo com o parlamentar, o Governo precisa cumprir a data base para todos os servidores. “É uma questão de respeito aos servidores e a população do Paraná, que precisa de serviços públicos de qualidade. Cortar mordomias e despesas supérfluas, valorizar os servidores de carreira, esta é a solução”, disse Ney.

E complementou: “Os servidores não estão pedindo nenhum favor ao Governo. Estão reivindicando a reposição salarial para amenizar a defasagem destes anos sem reajuste”.

De acordo com representantes dos servidores públicos estaduais que trabalham no Poder Executivo, a categoria não é contrária a data-base dos (as) trabalhadores (as) de outros poderes, mas de tratamento igual a todos os funcionários.

(Via Assessoria de Imprensa – Pedro Mariucci Neto).

Página 1 de 680

Copyright © 2007-2017 Blog Ney Leprevost. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Abrigo Virtual