Comissão de Saúde cobra do Governo Estadual medidas para conter o crescimento da aids em Paranaguá

A Comissão de Saúde, presidida pelo deputado Ney Leprevost, está preocupada com o aumento de casos de pessoas contaminadas com o vírus HIV, no litoral do estado.
Na cidade de Paranaguá, foi constatada a maior incidência de aids do Paraná. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a cada 100 mil habitantes, 30 tem a doença. Por ser uma cidade portuária, a quantidade de pessoas que embarcam e desembarcam no local é muito grande. A prostituição também é muito forte na região, o que reforça ainda mais a necessidade de um planejamento detalhado de prevenção da doença.
Distante de Paranaguá, Curitiba está em 14º no ranking de pessoas contaminadas, e no último ano reduziu em 34%  o número de casos.
O deputado está cobrando das autoridades estaduais de saúde, medidas eficazes para combater o aumento dos casos de contaminação pelo vírus HIV, em Paranaguá. Leprevost, como cidadão paranaense, criou em 2009, o projeto de lei que institui a Semana Paranaense de Prevenção da Síndrome de Imunodeficiência Adquirida (Aids) e demais doenças sexualmente transmissíveis, realizada anualmente em novembro.
 Precisamos conter esta proliferação, educando e conscientizando toda a população da importância do uso do preservativo, reforça Ney Leprevost.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × três =