CONFECÇÃO DE BOLAS POR DETENTOS É RETOMADA NO PARANÁ A PEDIDO DE NEY

O projeto Pintando a Liberdade, criado pelo paranaense Roberto Canto e implantado por Ney Leprevost quando este foi secretário de Esportes do Paraná, está sendo ampliado pela Secretaria de Estado da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos.

Nesta terça-feira, o governador em exercício Flávio Arns, a secretária Maria Tereza Uille Gomes, o deputado Ney Leprevost e o secretário nacional de esporte educacional do Ministério do Esporte, Wadson Ribeiro, lançaram o Pintando a Cidadania, programa através do qual os egressos do sistema penal confeccionam material esportivo para as escolas públicas.

O programa tem novo nome já que anteriormente ele era dirigido apenas aos detentos, agora ele passa a ser voltado também aos ex-presos que buscam reinserção no mercado de trabalho.

Agradeço a competente secretária Maria Tereza que aceitou nosso projeto e retomou a parceria com o Governo federal para reiniciar a confecção de material esportivo e a ressocialização de detentos no Paraná, afirmou Ney Leprevost em seu pronunciamento no Palácio das Araucárias.

Na oportunidade, foram entregues kits de material escolar para 243 escolas dos municípios com o menor IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) do estado.

Serão produzidos 61 mil itens de material esportivo para as crianças de Paraná através desta parceria que propusemos entre a Secretaria de Justiça e o Ministério do Esporte, informou Ney.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × quatro =