Ney Leprevost apresenta anteprojeto de lei para incentivar o esporte do Paraná

Com a maciça presença de praticamente todas as federações de esportes (olímpicos, não olímpicos e para-olímpicos) do Paraná, além de representantes de clubes e dos atletas, Ney Leprevost presidiu hoje cedo a primeira reunião da recém-criada Comissão de Esportes da Assembléia Legislativa do Paraná.

Abrindo os trabalhos, Ney ressaltou a importância do reconhecimento por parte da Assembléia Legislativa do Paraná em agraciar o esporte com uma comissão exclusiva. O interior do estado também tem atletas em início de carreira que merecem e precisam do incentivo de uma lei eficiente para estimular suas carreiras, trabalharemos em conjunto para encontrar a melhor solução para viabilizar para todos os atletas paranaenses uma lei justa e eficaz, ressaltou Ney.

Ney deu o pontapé inicial a um trabalho que será desenvolvido entre a Comissão de Esportes, a Secretaria de Estado dos Esportes e a Secretaria de Estado da Fazenda para a elaboração de uma lei estadual de incentivo ao esporte baseada em redução tributária do ICMS devido.

Com o objetivo principal de fomentar a prática e o desenvolvimento dos esportes através de uma lei de incentivo realmente eficaz que beneficie atletas de todo o estado, Ney convidou a participar deste trabalho conjunto quem mais entende do assunto os próprios esportistas, os dirigentes, empresas patrocinadoras, a Secretaria de Estado dos Esportes e a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer de Curitiba.

O deputado estadual Elton Welter, membro da Comissão de Esportes presente à reunião, dispôs-se a colaborar nos contatos com o Ministério dos Esportes e o Governo Federal, a fim de ampliar a contemplação dos bons projetos esportivos com verbas federais.

Em nome da Secretaria de Estado dos Esportes, o Assessor Institucional João Guilherme Gatti ressaltou que é uma meta do governo Beto Richa reativar o fomento ao esporte no Paraná através de uma Lei de Incentivo. Gatti também informou que a Paraná Esportes já está em busca dos melhores exemplos nacionais, como as leis em vigor nos estados de Santa Catarina, São Paulo e Rio de Janeiro, que juntas já conseguiram arrecadar mais de R$ 180 milhões em recursos para o esporte. Com a parceria entre os poderes executivo e legislativo vamos sair da paralisia esportiva do governo passado, avalia Gatti.

É muito bom ver quem sabe o que representa uma Lei de Incentivo novamente à frente de iniciativas que de fato promovem o desenvolvimento do Esporte e trazem segurança e motivação aos atletas paranaenses, declarou Vicélia Florenzano, Presidente da Federação Paranaense de Ginástica, cujo Centro de Excelência foi criado durante a gestão de Leprevost como Secretário de Estado dos Esportes, no governo de Jaime Lerner.

Antônio Cândido de Medeiros, gestor da lei municipal de incentivo ao esporte, compareceu em nome do Secretário Municipal do Esporte, Marcelo Richa, cuja pasta gerencia a concessão dos mais de 18 mil benefícios já destinados a atletas curitibanos através da Lei Municipal de Incentivo ao Esporte, criada por Leprevost há quase 10 anos.

O diálogo está aberto às sugestões de todos. Lei boa é lei que pega, funciona e beneficia o cidadão sem complicação. Vamos encontrar uma forma de viabilizar dentro da lei a renúncia fiscal que trará os recursos necessários para incentivar o esporte o melhor caminho para manter as crianças dentro da escola e longe das ruas e do crime, resume Ney Leprevost.

Além da Confederação Brasileira de Canoagem, estiveram presentes as seguintes federações desportivas do Paraná: Hipismo; Basquete; Futsal; Golfe; Ciclismo; Lutas Associadas; Handebol; Tênis; Desportos Aquáticos; Desporto Universitário; Futebol; Automobilismo; Esgrima; Atletismo; Esporte Para-olímpico; Atletismo; Xadrez e Judô. O Comitê Desportivo Paranaense e o SECRASO (Sindicato das Entidades Recreativas, de Assistência Social, de Orientação e Formação Profissional do PR) também enviaram seus presidentes como representantes.

As sugestões enviadas pelos participantes já serão incluídas no texto do projeto de lei que será apresentado na próxima reunião da Comissão de Esportes da Assembléia Legislativa.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − 16 =