NEY LEPREVOST DENUNCIA ATRASO NA DISTRIBUIÇÃO DE VACINAS DA GRIPE E INSISTE NA IMUNIZAÇÃO GRATUITA CONTRA A-H1N1.

O deputado Ney Leprevost,líder da Frente Estadual da Saúde e Cidadania fez duras crítica ao Ministério da Saúde ao ocupar   a tribuna  da  Assembléia  nesta quarta-feira  pelo fato de  149 municípios do Paraná  ainda não terem recebido as doses da vacina A-H1N1.

Dos 399 municípios do Paraná, apenas 250 já tinham recebido nesta quarta-feira  as doses para a campanha de vacinação contra a gripe.

Ao mesmo tempo Leprevost voltou a insistir pelo fornecimento gratuito da vacina contra a gripe Influenza A-H1N1 a todos os paranaenses, cujo pedido tem sido feito desde 2012 pelo próprio parlamentar.O deputado recordou que vem fazendo inúmeras ações junto ao Governo Federal pedindo fornecimento gratuito da vacina a todas as pessoas residentes no Paraná  que assim desejarem, independente de integrarem ou não o grupo de risco. E nesta quarta-feira voltou a encaminhar, por meio de oficio, um novo pedido. 

Enfatizou Leprevost que especificamente no caso do Paraná,a União desconsidera as peculiaridades climáticas de nossa região, cujo inverno é dos mais frios do país, o que favorece a disseminação da Gripe Influenza  A  – H1N1   entre os paranaenses  mais do que nas outras regiões do Brasil.

E prossegue: Daí o erro de se fixar critério uniformes para todo país, em lugar de se ajustar a campanha às características climáticas de cada região. 

Falando especificamente aos professores presentes na Assembléia Legislativa, nesta quarta-feira, Ney Leprevost  disse que   nosso apelo é que numa primeira  etapa deveriam ser vacinadas todas as crianças em período escolar e professores também.Depois a vacinação seria estendida  para todos.

 

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 + dezessete =