CPI CHAMA COORDENADOR DA SAÚDE PSIQUIÁTRICA DE CURITIBA PARA DEPOR

A CPI da Saúde Psiquiátrica realizou hoje, dia 21, na Sala de Comissões da Alep, a 6a. reunião presidida pelo deputado Ney Leprevost. Na ocasião, o Presidente da Associação de Psiquiatria do Paraná, Dr. André Rotta Burkiewicz, apresentou mais denúncias sobre a desassistência aos pacientes, entre elas estão à falta de infraestrutura dos CAPs (Centros de Atenção Psicossociais), onde médicos que não são especialistas estariam passando receitas sem ver os pacientes, casos de pacientes que são medicados sem a realização de exames, péssimas condições sanitárias, falta de profissionais treinados (psicólogos, terapeutas ocupacionais)  para atender surtos psicóticos; entre outras irregularidades.
O Dr Rotta relatou casos sobre a falta de vagas para pacientes no CAPs do Boqueirão e quadros de infecção gastro-intestinal em vários pacientes no CAPs Bairro Novo. No CAPs do Boa Vista pacientes teriam sido orientados a procurar uma ONG caso queiram fazer terapia ocupacional, pois nos CAPs de Curitiba atualmente não há terapeutas, o que é obrigatório por lei. 
Ainda segundo o Dr. André Rotta Burkiewicz, consta também, que muitos pacientes são impedidos de receber auxílio doença no INSS e aposentadoria devido a falta de profissionais de saúde para darem o laudo. No Hospital do Idoso, que carece de estrutura para receber pacientes, funcionários foram agredidos. Segundo ele, também existem casos de nepotismo envolvendo a fundação que administra as UPAs 24hs e o Hospital do Idoso.
Para finalizar a reunião, o relator Felipe Lucas pediu que seja chamado para depor na próxima reunião, dia 28, o coordenador da área psiquiátrica da prefeitura de Curitiba, Marcelo Kimati. A deputada Marla Tureck solicitou também um relatório sobre a situação da psiquiatria no interior do Estado. 
A situação da saúde no Brasil é caótica. A psiquiatria, em especial, vive um momento de desassistência calamitosa. Os motivos são vários; desde incompetência até ideologização encabeçada pelo governo federal, afirma Leprevost. 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − 14 =