Ney Leprevost se compromete com maior pacote do mundo contra corrupção apresentado pela transparência internacional (Via #EquipeNL)

Após endossar em 2015 as chamadas “Dez Medidas de Combate a Corrupção” do Ministério Público Federal, o deputado Ney Leprevost, autor da Lei da Ficha Limpa no Paraná e da Lei da Transparência proposta pelo “Movimento Paraná que Nós Queremos”, se comprometeu com o megapacote com 70 propostas legislativas chamado “Novas Medidas Contra Corrupção” apresentado pela Transparência Internacional em 2018.

O documento já é considerado o maior pacote anticorrupção do mundo. As propostas contaram com a participação de 373 instituições brasileiras e foram agrupadas em 12 eixos temáticos, que incluem melhorias nos sistemas de combate e de prevenção a corrupção, responsabilização dos partidos políticos sobre eventuais infrações e medidas para lidar com a corrupção junto ao setor privado. Ainda entre as medidas estão, projetos de desburocratização do Estado, normas de transparência e democracia partidária, redução do foro privilegiado, ficha limpa para servidores públicos, teto para doação e para o autofinanciamento de campanhas além de outras medidas de combate a corrupção.

O parlamentar lembrou que a luta contra a corrupção é uma luta por justiça social. “Neste ano os eleitores têm à disposição a melhor arma para combater a corrupção que é o voto. É fundamental que esta nova geração tenha uma consciência muito forte em relação a questão da cidadania, ao seu papel como contribuinte e ao rechaçamento total do desvio do dinheiro público. É hora de nos unirmos e jogarmos duro contra a corrupção”, disse Leprevost.

Além de servir como referência no debate eleitoral, as novas medidas anticorrupção têm como objetivo chegar à próxima composição do Congresso Nacional como pauta prioritária. Durante a campanha eleitoral, o site www.unidoscontraacorrupcao.org.br vai disponibilizar os nomes dos candidatos e candidatas que estiverem comprometidos com as novas medidas contra corrupção.

(Via Assessoria de Imprensa – Rodrigo França)

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *