Ney Leprevost foi o secretário que mais escolheu mulheres em cargos de diretoras para sua equipe (Via #EquipeSejuf)

No Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de março, o secretário de Estado da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, destaca que das nove diretorias da Secretaria de Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), quatro são ocupados por mulheres, o que equivale a 44.44% dos cargos de diretoria. São elas:

Goretti Bussolo
Diretora do Departamento de Garantia dos Direitos da Mulher
Presidente e fundadora da ONG Todas Marias, Goretti Bussolo, é especialista em Políticas para Mulheres pela Universidade Federal do Paraná, pós graduada pela PUC em Direitos Humanos e Filosofia e uma das cinco Marias da Penha do Brasil que mais fizeram pela causa da mulher em 2017. Atua no enfrentamento da violência contra mulheres, adolescentes e crianças de periferias e violência no campo.

Regina Bley
Departamento de Direitos Fundamentais e Cidadania
É mestre e doutora em Educação pela Pontificia Universidade Católica do Paraná, com doutorado pelo Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais da Universidade Nova de Lisboa, Portugal. Atuou como docente na Pontifícia Universidade Católica – PUCPR e no curso de Pós-Graduação em Direitos Humanos numa Perspectiva Multidisciplinar, da UniBrasil. Tem várias publicações sobre políticas públicas, educação e Direitos Humanos. É co-autora dos livros: “Aprendizagem profissional e Direitos Humanos: o direito fundamental dos jovens à profissionalização” e “Aprendizagem Profissional e Políticas Públicas: aspectos jurídicos, teóricos e práticos”. É professora universitária, servidora pública de carreira do Estado do Paraná e já ocupou o cargo de diretora do Departamento de Direitos Humanos e Cidadania da Secretaria de Justiça do Paraná (SEJU).

Angela Christianne Lunedo de Mendonça
Diretora do Departamento de Políticas Públicas para Crianças, Adolescentes e Idosos
Angela é pedagoga pela UFPR, especialista em Administração pública pela Universidade Federal do Paraná e Direito pela Unicuritiba. Especialista em Direito Educacional pelo Grupo Educacional Itecne, assessora técnica no Ministério Público do Paraná – Caopcae – Centro de Apoio Operacional das Promotorias da Criança e do Adolescente e coordenadora dos cursos de especialização em Direito Educacional, Direito aplicado ao Sistema Único de Assistência Social – SUAS, e pedagogia social.

Claudia Francisca Silvano
Diretora do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor – Procon
Possui graduação em direito pela Faculdade de Direito de Curitiba (2003) e graduação em Pedagogia pela Universidade Federal do Paraná (1989). É pós-graduada em Direito Cicil e Empresarial pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Atualmente é coordenadora do PROCON/PR, professora da disciplina Direito do Consumidor na Faculdade Dom Bosco, na FAE – Centro Universitário e no Curso Jurídico, Preparatório para Carreiras Jurídicas.

“Gosto de ver a seriedade e o engajamento das mulheres quando se propõem a fazer alguma coisa. Nelas a gente vê a capacidade de solucionar situações do dia a dia. São profissionais que conseguem aliar a qualificação acadêmica, a capacidade de liderança e a habilidade de cooperação”, disse Ney.

(Via Assessoria de Imprensa – Pedro Mariucci Neto).

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *