Em evento internacional, Ney Leprevost fala sobre programas sociais para proteger as famílias

O secretário da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), Ney Leprevost, palestrou nesta sexta-feira na abertura da Conferência Internacional Família e Inovação Social, promovida pelo Governo do Paraná e International Federation for Family (IFFD). O evento reuniu em Curitiba especialistas de nove países que debateram estratégias de implementação, monitoramento e avaliação de políticas de apoio à família no contexto estadual, alinhadas à agenda 2030 da ONU. “O governador Ratinho Junior tem incentivado o debate para a construção de cidades com ambientes favoráveis para o desenvolvimento das famílias”, disse o secretário, lembrando que a prioridade é o atendimento às famílias e indivíduos em situação de risco e vulnerabilidade social.

Leprevost falou sobre os programas sociais voltados ao fortalecimento de famílias, como o Nossa Gente, maior plano social do Governo do Paraná, já implantado em 381 municípios e atendendo a 36 mil famílias em alto grau de vulnerabilidade. É um programa amplo, com eixos de intervenção que vão desde o atendimento ao agricultor, com repasse de recursos para investimentos em ações de saneamento básico, produção de alimentos para autoconsumo e venda de excedentes, além de apoio a processos produtivos e repasse de renda.

Ney citou ainda os programas Criança Feliz e a Força-Tarefa Infância Segura, uma iniciativa inédita para a integração das políticas públicas dos sistemas de justiça, segurança pública, assistência social, educação e saúde, com ações coordenadas e efetivas para o acolhimento e o atendimento integral às crianças vítimas de violência.

Na área da geração de emprego e renda, o secretário apresentou as Carretas do Conhecimento, uma parceria com a Volkswagem do Brasil que tem levado a todo o estado aulas de capacitação e qualificação profissional para os trabalhadores, e o aplicativo Paraná Serviços, ferramenta que faz a intermediação entre profissionais autônomos/prestadores de serviços e contratantes.

Carta de Vêneto – O resultado do encontro foi registrado na “Carta de Veneto”, um documento com políticas públicas de interesse econômico e social que vão subsidiar o Paraná na temática do apoio à família. Curitiba será a primeira cidade do Brasil a receber o relatório, que define critérios para que uma cidade ou região seja considerada inclusiva e contém as boas práticas e experiências que deram certo em outros países e que serão sugeridas na ONU.

Todas as ações da Carta de Vêneto são para fortalecer a família, especialmente nas áreas relacionadas à pobreza, equilíbrio entre trabalho e família, questões intergeracionais com atenção aos direitos e responsabilidades dos pais, direito dos idosos, jovens e crianças.

Participaram da abertura da Conferência Internacional Família e Inovação Social o secretário do Planejamento e Projetos Estruturantes Valdemar Bernardo Jorge; o vice-prefeito de Curitiba Eduardo Pimentel; Roberto Ciambetti (presidente do Conselho Geral do Vêneto) e Ignácio Socias (Diretor do IFFD).

(Via #Equipe) #RatinhoJunior #NeyLeprevost

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *