Secretaria da Justiça, Família e Trabalho lança a campanha “Não cale sua voz” de prevenção e combate à violência contra criança

A Secretaria da Justiça, Família e Trabalho do Paraná lança na semana que vêm a campanha “Não cale sua voz”, em referência ao aumento de casos de violência doméstica contra a criança e o adolescente em tempos de pandemia e isolamento social. A campanha foi desenvolvida a partir de uma demanda do “Comitê Intersetorial Protetivo da Covid-19”, encaminhada à Força-Tarefa Infância Segura da Sejuf.

Durante a pandemia, o cenário domiciliar mudou e a família começou a passar mais tempo unida em casa. Esse convívio intenso, somado a todas as problemáticas de desemprego, home office, estresse e ansiedade, acarretou no aumento de casos de violência contra a criança e o adolescente e os distanciaram da escola.

Nesta perspectiva, a campanha “Não cale sua voz” surge com o intuito de interagir com as famílias e falar diretamente com a criança e o adolescente que é a vítima de violência. “O objetivo principal da campanha é estimular a denúncia e romper com o silêncio sistêmico desse problema que se arrasta a tempos”, explicou o secretário da Sejuf, Ney Leprevost.

“A campanha provoca a identificação e o protagonismo da criança e do adolescente, ao perceber que ele não está sozinho, que a situação de violência não é normal e que sua voz deve ser ouvida. A partir dessas premissas, foram desenvolvidos três vídeos educativos e orientativos”, disse o chefe do Departamento de Justiça e coordenador-geral da Força-Tarefa Infância Segura, Felipe Hayashi.

1º vídeo: O “vídeo 1” traz frases escritas de depoimentos de crianças acompanhado de imagens da cidade em tempos de pandemia. A ideia é ilustrar o cenário atual e o silêncio que envolve essa temática, como algo que está intrínseco ao cotidiano, à cidade e as subjetividades. Com a frase “Não cale sua voz!” em destaque no final do vídeo.

2º vídeo: O “vídeo 2” segue a estética de frases escritas com imagens da cidade, associado com as vozes das crianças falando. Vem romper com a estrutura de silêncio, as vozes que reverberam em busca de proteção e justiça.

3º vídeo: O “vídeo 3” circunda o objetivo central da campanha, de estimular a denúncia, enfatizando a sentença “Não cale sua voz!”, mostrando que é possível reescrever a história das diversas crianças e adolescentes que convivem com medo dentro de suas casas – dando novos destinos e oportunidades para sua vida a partir da quebra do silêncio.

Força-Tarefa Infância Segura lança portal com mapa de georreferênciamento da Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente no Estado

A Secretaria da Justiça, Família e Trabalho do Governo do Paraná (Sejuf) também vai lançar o portal da Força-Tarefa Infância Segura (Fortis) com apresentação exclusiva do mapa de georreferênciamento da Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente no Estado.

O portal tem como intuito divulgar e ampliar a rede de proteção da Fortis no Paraná. Hoje a rede envolve as áreas da saúde, segurança, educação e assistência social. “Precisamos informar a população que temos uma rede de atendimentos nas diversas áreas para a nossa gente”, explicou o secretário Ney Leprevost.

DADOS DE VIOLÊNCIA INFANTIL – Hoje no Paraná entre o período de janeiro a agosto de 2020 foram registrados pelo Disque Denúncia 1.168 denúncias relacionadas a violência contra crianças e adolescentes.

(Via Assessoria de Imprensa – Luiz G. Mazza Neto).

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *