“O que aconteceu com aquelas máquinas de raio-x adquiridas em fevereiro deste ano?“, questiona Ney Leprevost

Deputado quer saber por que o Hospital de Reabilitação do Paraná não está funcionando plenamente

 O presidente da Comissão de Saúde da ALEP, deputado Ney Leprevost, enviou expediente à Secretaria de Saúde do Paraná pedindo explicações sobre a situação do Hospital de Reabilitação que, segundo denúncias, não dispõe equipamentos necessários para seu pleno funcionamento.

 Prometido para o início de 2007, o hospital teria começado atendimento somente em março de 2008, oferecendo apenas alguns serviços, por falta de estrutura e aparelhagem.

 Agora, Leprevost quer saber da Secretaria porque o centro de atendimento médico especializado em deficientes e pessoas que sofreram lesões de difícil reversão não está exercendo suas funções plenas. A população não pode ser prejudicada pela falta de atendimento médico e de estrutura. O direito à saúde está assegurado na Constituição, sendo dever do Estado. Só quando o governador se machucou e precisou de um raio-x é que foi constatada a deficiência no Hospital de Reabilitação. Afinal, o que aconteceu com aquelas máquinas adquiridas em fevereiro deste ano?, indaga o parlamentar.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 1 =